Hello world!

Welcome to WordPress.com. This is your first post. Edit or delete it and start blogging!

Anúncios
Publicado em Uncategorized | 1 Comentário

>percebi que muito dos meus leitores desse site não tem conhecimento do meu e-mail para esclarecimentos:

real_mitologia@hotmail.com

Publicado em Recados | Deixe um comentário

>NOVA CATEGORIA

>Em meu ultimo blog havia apenas 3 mitologia: Grega, Nórdica e Egipcia.
Agora introduzo a mitologia Iorubá (africana) e assim que possivel a mitologia Brasileira (folclore brasileiro).
Desejo a todos um bom aproveitamento do blog e qualquer duvida só conversar comigo no meu e-mail: real_mitologia@hotmail.com

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

>Odin – Aquele que tudo vê

> Odin, deus da sabedoria, o deus mais importante da mitologia nórdica e provavelmente o mais conhecido (depois de Thor).
Na mitologia nórdica os nomes são muito importantes e praticamente tudo de valor tem seu nome, como Hliöskjalf, o trono de Odin, e Valaskjálf, seu palacio, entre outros muito conhecidos: Asgard, Valhalla.
Outra coisa importante é que mais do que qualquer outra mitologia, a mitologia nórdica é escrava das profecias, o maior exemplo disso é o Ragnarök (fim dos deuses) em que explica como cada deus morrerá e quem o matará.
Odin é o deus que tudo vê, filho de Borr com Bestla (uma gigante), irmão de Vili e Ve (Odin também pode ser chamado de Vodin) juntos, Odin, Vili e Ve, mataram o gigante primordial Ymir (Ímer, Imer ou Ymer também estão certos). Odin tem varios filhos mas os que mais se destacam seriam: Thor, Meili, Vidar, Vali, Bragi e os filhos com sua esposa Frigga: Balder (morto por uma flecha), Hoder (cego, acidentalmente matou seu irmão Balder devido a Loki) e Hermodr.
Loki diferente do que é dito em muitos filmes não é filho de Odin, ele foi adotado como irmão por Thor, e Odin respeitando a vontade de seu filho cuidou de Loki como seu próprio filho, mas só houve arrependimento, sem outra opção Odin teve que acorrenta-lo em grilhões até o Ragnarök onde ele se soltará e liderará o exército de várias criaturas das trevas para destruir os deuses.
Nem sempre Odin foi o deus da sabedoria, antes ele era apenas um deus guerreiro e muito curioso que se diga de passagem, sua curiosidade o levou até a fonte de Mimir, o gigante decapitado, então ele arrancou um de seus olhos e jogou no poço (não se sabe se foi o esquerdo ou o direito, pois é irrelevante) bebendo da fonte ele soube que para ele ser mais poderoso devia superar a morte e foi o que ele fez, se enforcou em um dos galhos de Yggdrasill (o freixo dos reinos) então ele foi ressucitado com mágica e em troca de seu olho recebeu dois corvos (Hugin e Munin) que são os seus olhos que tudo veem, eles voam incansavelmente por todos os mundos e informam tudo a Odin, além de seus corvos Odin conta com incriveis reliquias: a lança Gungnir e o Anel de Draupnir

Publicado em Importante, Nórdica | Deixe um comentário

>Recado 2

>Ninguém merece isso, sinto muito eu estava no fim da minha fase de adolescente e sinceramente abrindo mão de coisas que eu realmente amo e eu percebi que não fazia sentido eu amo mitologia e espero, um dia talvez, ter o perdão dos meus leitores e só dizer que espero sempre crescer mais com o blog e com minha escrita, que ainda não esta la essas coisas (emotions felizes, emotions felizes) muito obrigado, caso me de a louca novamente falem comigo, façam me perguntas pelo e-mail: real_mitologia@hotmail.com

Muito obrigado e perdão por todo esse tempo de hibernação.

Abraço do Apolo favorito de todos vocês XD

Publicado em Recados | Deixe um comentário

>Rá – O deus de vários nomes

> Adoraria começar essa postagem dizendo que o título escolhido “O deus de vários nomes” é o principal que precisar saber sobre a mitologia egípcia, você deve de estar se perguntando:
-Como assim? Ainda não entendi.
É o seguinte, nenhum deus da mitologia egícpia é somente o que o aparente ser, por isso começarei com Rá, pois ele além de ser o primeiro deus a surgir do Nun (o lago primordial), porém ele não nasce do Nun como Rá, ele nasce como Atum o deus do amanhecer (referente ao sol que ja condiz com Rá deus do sol) Atum também seria o criador dos objetos, porém agora ele está entrando em conflito com o deus Ptah (o deus construtor), mas isso ja é discussão para outra postagem.
Rá é o deus do sol, casado com Ret (importante dizer que na mitologia egipcia os pares femininos dos deuses normalmente são eles mesmos)
Algun exemplos:
Rá e Ret
Nun e Naunet
Amon e Amaunet

Rá é pai de Chu e Tefnut, os irmão que juntos geraram seus filhos Geb e Nut, que logo após geraram 4 filhos gemeos: Osíris, Seth, Néftis e Ísis.
Então querer dizer que Rá é pai de Osíris ou vice-versa é um erro comum, por isso estou esclarecendo algumas coisas.
Rá é o deus de maior poder da mitologia egípcia, o seu poder vem de seus vários nomes secretos, são tantos que é impossivel saber todos, impossivel para quase todos, pois apenas um deus conseguiu descobrir todos os nomes de Rá graças a um plano que quase custou a vida de Rá, assim Rá teve que desistir de parte de seus poderes para dar para este deus que aprendeu todos os seus nomes.
Rá é o deus do sol, ele não tem pais, ele simplesmente surgiu de Nun, o qual também pode ser dito como Rá.
Apep é o irmão gemeo de Rá, é o deus serpente, que persegue Rá durante a noite tentando devora-lo e Rá foge para o submundo para travar a batalha com seu irmão toda noite e sempre vence, assim no dia seguinte Apep renasce para continuar a batalhar contra Rá eternamente.
Apep também pode ser dito como uma das formas de Rá.
Rá é um dos deuses mais bem dividos em personalidades, a mitologia egipcia será, para alguns, muito entediante, pois ela é extremamente complicada, pois cada deus representa varios deuses que nunca são ditos como por serem um único deus, mas estão todos relacionados.
Mitologia egípcia não passa dum labirinto mental.
Qualquer pessoa que gosta de pensar de criar sua própria interpretação, enfim de fazer justamente o que nos torna humanos, pensar, entre nesse blog e se concentre em mitologia egípcia.

Publicado em Egipcia, Importante | Deixe um comentário

>Zeus – senhor dos raios

>

Zeus, senhor dos raios, ha uma história por tras de seus raios, os raios foram um presente de seus tio-avós (os cíclopes de Gaia) ja a muito tempo esquecidos na história mitológica, há quem diga que foi um presente de Hefestos, em alguma versão desconhecida por mim até pode ser verdade, mas a mais aceita e que eu sinceramente acho mais bela a história (a qual postarei mais tarde).
Zeus filho de Réia e Cronos é o caçula dos 6 grandes deuses do Olimpo, porém o mais velho, pois os outros 5 filhos encontravam-se mortos na barriga de seu velho pai Cronos, o qual depois de uma batalha que duraria 100 anos teria sido forçado a vomitar seus filhos e traze-los de volta a vida, são eles: Hades, Poseidon, Hera, Deméter e Héstia.
Ha muitas histórias que realmente não ficam muito claras, como o diluvio, eu nunca li numa fonte realmente segura, que Zeus teria criado o Diluvio, então cuidado.
Zeus teve 3 esposas a ultima Hera sua irmã a qual viveu por toda a eternidade, as 3 esposas de Zeus seriam em ordem:
Métis (deusa de prudencia), Têmis (deusa da justiça humana) e Hera (a deusa do casamento).
Zeus não é, o ser mais poderoso do panteão grego, seu raio é a maior arma ja criada, mas há divindades com poderes muito além dos de Zeus, isso é um erro frequente, Zeus é o senhor dos deuses, mas não passa dum inseto comparado com Chaos, Nix, Érebus, Tartaro entre os outros deuses primordiais.
Zeus assim como seu irmão, Poseidon, é apaixonado por mulheres, sejam deusas, humanas, ninfas, seja o que for, ele quer e consegue, deixando, óbviamente, Hera muito fula, devido a essas traições.
Zeus é o pai dos heróis, que seriam seus filhos bastardos, dentro do casamento ele só tem 3 filhos:
Athena (ou Atena): com Métis (seu primeiro casamento), Ares e Hefestos (com Hera).
Publicado em Grega | Deixe um comentário